Menu opener
VoltarYour staySeleccione datas para ver a disponibilidadeChange datesSelect rooms and travelersClose
Seleccione datas para ver a disponibilidade
Preencha o campo Destino
Sem sugestões disponíveis
Permitir a geolocalização na configuração do navegador ou introduzir o destino
Selecione um período inferior a 21 dias
Selecione uma data posterior

Selecione um período inferior a 21 diasSelecione uma data posterior

De
A
Código da empresa
Para viajantes com contrato corporate
  • Destino
  • FromA
    FromA
  • 1 quarto, 1 adulto
  • 1 quarto, 1 pessoa

Museus de Uberlândia: Descubra quais valem a visita

Se você estiver de passagem por Uberlândia, seja para lazer ou para negócios, vale a pena deixar um espaço na agenda para conhecer os museus da cidade. O fato é que esse município no interior de Minas é muito mais do que um refúgio de calma e natureza. Ele não possui milhões de habitantes, como a capital Belo Horizonte, mas oferece atividades abundantes em seu ambiente urbano. É possível, sim, fazer uma imersão cultural de respeito por lá!

Separamos aqui os melhores museus de Uberlândia, além de outros espaços culturais que você não vai se arrepender de incluir na sua programação. Não precisa fazer inúmeras listas sobre o que fazer, descubra o essencial logo abaixo:

Museu Municipal de Uberlândia

Tombado como patrimônio histórico, o Museu Municipal de Uberlândia também é conhecido como Palácio dos Leões, um dos pontos mais importantes da cidade. A construção curiosa soma mais de 100 anos e, ao primeiro olhar, parece pequena. Ao visitar o interior, porém, o turista pode descobrir as quase 3 mil peças expostas neste casarão antigo.

Todos os objetos tentam contar a história do município e dar o contexto cultural de como a cidade se formou e se tornou o que é. Lá dentro você terá uma ideia de como as primeiras fazendas eram formadas na comunidade, com um mostruário de itens da época. Também poderá ver como as casas eram construídas, em um cenário que as reproduz de forma impecável, com fogão à lenha, mesa e utensílios daquele tempo.

Este museu convida o visitante a se sentir em outra época nestas instalações fixas que imitam a vida simples de outrora. Por isso, se quiser entender o passado de Uberlândia de forma divertida, este é o melhor lugar. Uma curiosidade é que o Palácio já foi sede da Câmara Municipal da cidade e inclusive exibe a "Exposição Câmara Municipal” para contar como foi este período.

Vale dizer que o monumento faz parte do complexo da Praça Clarimundo Carneiro, bem na frente do museu. O coreto instalado na praça, por sinal, é uma obra charmosa e pede por uma foto!

Museu do índio

Aberto ao público em 1987, o Museu do índio traz no nome o seu propósito: colocar luz na história indigena, ou seja, nas raízes do Brasil. Com uma coleção etnográfica feita de 2.500 objetos vindos de 80 comunidades indígenas brasileiras, é possível ter uma noção da riqueza desse patrimônio.

Todos os itens exibidos são contextualizados e separados em diversas áreas: sala da cerâmica, objetos lúdicos, objetos de conforto doméstico, entre outros. O lugar também realiza exposições temporárias públicas, que inclusive repercutiram em países estrangeiros. Vale a pena, afinal a cultura e obra indigena pertence a todos nós e ver estes fragmentos de história é incrível!

Casa da cultura

Na região central da cidade está a Casa da Cultura, que é símbolo arquitetônico de Uberlândia, inspirada em um palacete paulista. Hoje chamada casa da cultura, no passado serviu de residência para o Coronel Eduardo Marquez, na década de 20. Passados alguns anos, foi vendida para outras personalidades abastadas da época.

Somente em 1985 é que a casa cumpre seu dever cultural: começa a colocar em exposição algumas gravuras, que são parte do acervo da Secretaria Municipal de Cultura. Esta coleção possui gravuras em metal, serigrafias e xilogravuras de artistas conhecidos como Cícero Dias, Babinski, e outros nomes. Ainda hoje, seus espaços são utilizados para receber eventos e outras atividades.

Museu Universitário de Arte

Aos pés da Praça Tubal Vilela, o Museu Universitário de Arte é como uma galeria universitária e ocupa um prédio histórico. Ele funciona como acervo artístico e vem ampliando sua coleção iniciada nos anos 80. O projeto conta com mais de 750 peças expostas, criadas por artistas locais, nacionais e internacionais. O condomínio também promove atividades ligadas à pesquisa e extensão universitária. Para quem quer um olhar atualizado sobre as artes mineiras e sentir a veia estudantil que a inspira, vale o passeio!

Agora que já tem uma ideia do que esperar, baixe o app do B&B Hotels no seu celular (disponível para Android e iOS) e reserve a sua estadia em Uberlândia. Pronto, é só partir de mala e cuia e aproveitar a rota cultural que essa cidade mineira tem a proporcionar!